Notícias

Vôlei de praia brasileiro volta de Londres com duas medalhas, mas sentimento de decepção

País, que tem duas duplas campeãs mundiais, não subiu ao ponto mais alto do pódio na Inglaterra

  • -A
  • +A

Emanuel e Alison perderam a final do torneio masculino para os 22º colocados do ranking (Foto: Reuters)

Do R7

Conquistar duas medalhas em quatro oportunidades não pode ser considerado uma campanha ruim, mas é inegável: os atletas brasileiros do vôlei de praia deixam Londres 2012 com o sentimento de que poderiam ter feito campanhas melhores. País das duplas campeãs mundiais tanto no feminino quanto no masculino, o Brasil conquistou apenas uma prata e um bronze nos Jogos Olímpicos.

Quem chegou mais perto do ponto mais alto do pódio foi Alison e Emanuel. Formada em 2010 por um jovial atleta e um dos nomes mais experientes da modalidade no mundo, a parceria acabou derrotada na decisão pelos alemães Brinck e Reckermann, 22º colocados no ranking mundial, por 2 sets a 1. Uma decepção para eles, que chegaram à Inglaterra embalados pelo favoritismo do título do Mundial obtido no ano passado.

Coisa parecida aconteceu com as vencedoras da versão feminina do Mundial, Juliana e Larissa. Depois de perderem as Olimpíadas de Pequim por conta de uma grave lesão sofrida por Juliana, elas vinham fazendo boa campanha em Londres. Na semifinal, contra as americanas Ross e Kessy, lideravam o segundo set depois de ter vencido a primeira etapa, mas acabaram tomando a virada.

Um dia depois, começaram mal contra as chinesas Xue e Zhang, mas se recuperaram e acabaram com o bronze. Já Ross e Kessy não tiveram força suficiente para evitar o tricampeonato olímpico de suas compatriotas, as já lendárias Walsh e May.

Ao menos Alison/Emanuel e Juliana/Larissa tiveram o gostinho de conquistar uma medalha olímpica, ao contrário das outras duas duplas brasileiras na competição: enquanto Maria Elisa e Talita foram eliminadas nas oitavas de final pela parceria da República Tcheca, Ricardo e Pedro Cunha caíram justamente diante de Brinck e Reckermann nas quartas de final.

Com 11 medalhas conquistadas desde a estreia da modalidade no programa olímpico, em Atlanta 1996, o vôlei de praia continua sendo um dos esportes mais vitoriosos da história do Brasil. Porém, já se vão duas Olimpíadas desde o último ouro, algo que preocupa para o Rio 2016.

Quadro de Medalhas

Últimas Notícias

Agora na Record

Facebook