Notícias

Remo brasileiro deixa Londres 2012 com suspeita de doping e sem medalha

Exame de Kissya Cataldo acusou positivo para substância EPO

  • -A
  • +A

Phil Walter/Getty Images

Do R7

O Brasil não fez um bom papel no remo em Londres 2012. Nem tanto pelas eliminações dos brasileiros nas quartas de final, mas muito pela acusação de doping de uma das atletas da delegação nos Jogos Olímpicos.

Se Fabiana Beltrame e Luana Bartholo (skiff duplo leve) e Anderson Nocetti (skiff) caíram pelo caminho, o caso mais grave foi da acusação de doping de Kissya Cataldo. A atleta acabou sendo retirada da Vila Olímpica dos remadores.

O exame da atleta apontou positivo para a substância proibida eritropoietina (EPO), utilizada para aumentar a resistência das atletas. Kissya foi suspensa preventivamente pela Confederação Brasileira de Remo “por ter apresentado resultado analítico adverso em exame pré-competição”. O resultado da contraprova ainda não foi divulgado.

Veja sete falhas do técnico da seleção brasileira

Londres foi a última Olimpíada de vários ídolos

Campeã mundial em 2011 em uma prova não olímpica, Fabiana competiu ao lado de Luana. A dupla, no entanto, foi eliminada nas quartas de final da competição. Por fim, ficou a sensação de que o time verde-amarelo terá de remar mais daqui quatro anos em casa.

R7 transmite os Jogos Olímpicos de Londres ao vivo, em cinco canais exclusivos, 24 horas por dia. E durante os Jogos, além da transmissão ao vivo e com sinais exclusivos, você encontra no portal os vídeos de todos os melhores momentos da maior disputa esportiva do mundo. Até o dia 12 de agosto, Olimpíada é no R7, Record e Record News, os canais oficiais de Londres.

Quadro de Medalhas

Últimas Notícias

Agora na Record

Facebook