Notícias

Campeão em 2008, marchador italiano é pego no doping

  • -A
  • +A
Agência Estado

Campeão olímpico em Pequim na marcha atlética de 50km, o italiano Alex Schwazer foi flagrado em teste antidoping, informou o Comitê Olímpico da Itália nesta segunda-feira. Segundo a entidade, o atleta já deixou a delegação e está fora da prova que será disputada no próximo sábado.

O comitê não deu detalhes sobre o resultado do teste. Não há informações sobre a data do exame ou sobre a substância detectada. Schwazer, de 28 anos, defendia em Londres a medalha de ouro conquistada há quatro anos, quando impôs novo recorde olímpico, com o tempo de 3h37min09s.

"Eu cometi um erro. Minha carreira acabou", afirmou o marchador, em entrevista à agência italiana Ansa. "Queria estar mais forte para esta Olimpíada e acabei cometendo um erro", lamentou o atleta.

Schwarzer era uma das principais esperanças de medalha de ouro da Itália e se tornou herói no país quando baixou em mais de um minuto o antigo recorde mundial da prova, que já durava 20 anos. Ele afirmou que não disputaria a marcha de 20km para se concentrar em sua principal prova, de 50km.

Ao saber do doping, a Federação Italiana de Atletismo repudiou a atitude do atleta. "Enquanto concorda inteiramente com a decisão do Comitê Olímpico Italiano, a federação expressa seu profundo desapontamento com o que aconteceu, deixando claro sua forte posição de condenação a qualquer forma de doping", explicou a entidade.

Quadro de Medalhas

Últimas Notícias

Agora na Record

Facebook