Esportes

  • -A
  • +A
ESGRIMA

Esgrima

Há disputas em três tipos de armas: florete, sabre e espada. No programa olímpico, são disputadas todas as armas no individual, masculino e feminino, e quatro competições por equipes: o florete e o sabre masculinos e a espada e o florete femininos.

Na disputa individual, ganha aquele que chegar primeiro a 15 pontos ou quem estiver ganhando após o término do tempo estipulado, que são três tempos de três minutos, com o cronômetro parando a cada interrupção dos juízes. Já entre as equipes, formadas por três atletas, a cada cinco pontos mudam os competidores, seguindo o placar deixado pelo companheiro. A competição vai até 45 pontos.

O regulamento por equipes é eliminatório, as oito equipes disputam as quartas de final, e os vencedores estão na semifinal. Os perdedores disputam um torneio de consolação para definir o quinto colocado. O torneio individual também é eliminatório. Os 16 piores ranqueados entre os classificados disputam a primeira fase, e vencedores se juntam a outros 24 atletas que já partem da segunda rodada.

As três armas

Espada: mede 110 cm e pesa 770 g, a ponta é retrátil, e qualquer toque, dos pés à cabeça, évalido.
Sabre: mede 88 centímetros e pesa de 500 gramas. Qualquer raspão acima da cintura já vale ponto. Os lados da arma também são válidos para tocar o corpo do adversário.
Florete: mede 90 cm e pesa 500 g, e o ponto só é validado quando a ponta da arma tocar o tronco do adversário.

Créditos: Adalberto Leister Filho, Karina Rodrigues e Guilherme Costa, do Núcleo Olímpico da TV Record